Sexta-feira, 8 de Janeiro de 2010

Eu sou assim, tantas vezes de extremos. Procuro-me, frequentemente sem me encontrar, no meio das duas pontas da linha que tende para o infinito.

Sou totalmente dependente de tudo o que me rodeia, mas preciso sentir que não dependo de nada nem de ninguém;

entrego-me e preciso das minhas relações como do ar que respiro, mas sei que consigo estar bem comigo e só comigo;

sinto vergonha e baixo a cabeça, mas também espalho as brasas e parto os pratos;

preciso do meu espaço, das minhas rotinas e do meu conforto, mas também preciso de sair e de me perder, para me poder encontrar, de dormir fora do aconchego, de acordar no desconhecido;

uso sapatos altos, pinto os olhos, uso um creme para cada parte do corpo, mas também calço chinelos, danço no pó, tomo banho de água fria e uso gel de duche no cabelo;

preciso de ir ao teatro, ao cinema e a um espectáculo, mas também preciso de sair a um bar e dançar até não poder mais numa discoteca;

gosto de falar sobre ideologias, assuntos sérios, usar palavras caras, mas também me perco a comentar o tempo, a novela ou o aspecto saudável de um homem;

rio alto e com vontade, mas também choro com a alma e sucumbo à tristeza e à saudade;

sou espalhafatosa e desajeitada, mas também sou timida e acanhada;

gosto de estar rodeada de pessoas mas também preciso de estar sozinha;

falo pelos cotovelos mas também sou boa ouvinte;

sou sensível e compreensiva, mas também sou bruta como um elefante numa loja de cristais;

gosto que me protejam e que cuidem de mim, mas também tenho que demonstrar que não preciso de nada disso;

penso com o coração, mas também sinto com a cabeça;

procuro o equilibrio, mas sei que não consigo viver sem o seu antagónico.

Eu sou assim, perdida entre o 8 e o 80, encontrada em toda a extensão que os separa! 



apoquentado por Béu às 20:07 | linque da apoquentação | mandar pitafe

11 pitafes:
De JoanaC. a 8 de Janeiro de 2010 às 23:52
E que piada tinha a vida se fizessemos sempre o mesmo?


De Béu a 2 de Fevereiro de 2010 às 17:48
Não tinha piada nenhuma! :) *


De Ana Filipa a 9 de Janeiro de 2010 às 14:35
Revejo-me tanto nestas palavras...


De Béu a 2 de Fevereiro de 2010 às 17:49
O clube "dos 8 aos 80" é bem maior do que o que podemos pensar! *


De Ana Telles a 13 de Janeiro de 2010 às 19:17
Minha querida! A vida é mesmo assim, e se assim não fosse perderia totalmente o interesse... Uma beijoca


De Béu a 2 de Fevereiro de 2010 às 17:50
Sem dúvida minha Ana Telles. beijinho grande para ti também. Obrigada *


De a 15 de Janeiro de 2010 às 12:46
E é por tudo isso que eu te adoro de coração :)

A tua Gadjet


De Béu a 2 de Fevereiro de 2010 às 17:51
E eu a ti querida. * Obrigada


De Mary Jane a 31 de Janeiro de 2010 às 15:56
Tenho fases assim...
Mesmo no verdadeiro sentido da palavras.
Alturas bastantes extremistas!
Cê la vie...


De Béu a 2 de Fevereiro de 2010 às 17:53
É daquelas coisas que pensamos que passam com a idade.... Mas começo a desconfiar que não passam! :) *


De rc a 3 de Fevereiro de 2010 às 23:56
E uma actualização? Há vida depois de Sparta ;)


mandar pitafe acerca da aopquentação

mais sobre mim
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


apoquentações fresquinhas

The end

Se a perfeição existe...

Setembro 2011

Every teardrop is a water...

Meia de proposta

Fecha a porta, que faz co...

O meu favorito do mestre ...

Para quem não acredita qu...

Dancing terapia queen

Faz hoje 7 anos

past

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

tags

a gata

alentejo

amizade; morte

analogias

aniversário

balanço

carnaval

coisas

coisas boas

coisas que irritam

comida

crises existenciais

desabafos

férias

filmes

homens

inspira-me

mina

mina a gata

natal

nomes

nostalgia

observações

país

pessoas

primavera; flor

prisão

saudades

signos

sócrátes

testes

trabalho

viagens

todas as tags

os mais espectaculares

Ensaio sobre a bestialida...

E se um dia

Líquidos

Liberdade?

Domingo à tarde

?

Avô Hique

Ode parte I

A sazonalidade

Noites dedilhadas...

linques
blogs SAPO
subscrever feeds